domingo, 26 de julho de 2020

Exemplos de sistemas Kanban

Exemplos de sistemas Kanban

A simplicidade no Kanban é a principal razão de sua beleza. No entanto, Kanban não se refere apenas à visualização de processos em um quadro branco e ao trabalho com post-its eletrônicos. Envolve muito mais coisas que beneficiarão uma equipe se você seguir todos os princípios e ações de maneira planejada.
As tendências atuais ao redor do mundo mostram como o Kanban torna-se popular e como é aplicável em muitos níveis diferentes, como pequenas agências, startups e organizações de todos os tamanhos.

Kanban em TI e software
Como David diz em seu “Livro Azul” - Kanban não é um projeto de desenvolvimento de software, é uma metodologia de gerenciamento de projetos. O principal objetivo do Kanban é alavancar gradualmente a carga de trabalho de alguém, ao invés de ser uma estrutura de gerenciamento comparada ao Scrum.

O Método Kanban foi usado nos projetos de desenvolvimento de software da Microsoft em 2004. Até agora, o Kanban foi adotado totalmente na indústria de TI, Ops, DevOps e equipes de aplicativos.
Ele pode ser usado em qualquer metodologia. Não importa se você está usando métodos ágeis como Scrum, XP e os métodos tradicionais como cascata, iterativo e muitos mais. A aplicação do Kanban incrementará bastante o seu processo, reduzirá o tempo do ciclo e melhorará o fluxo e a qualidade do trabalho. Iniciará entregas mais rápidas e contínuas de produtos e recursos.

Kanban em Lean / Software Ágil / Desenvolvimento de Produto

As equipes de desenvolvimento de software e tecnologia adotaram a maneira Kanban de implementar os princípios Ágeis. O método ajuda as equipes a desenvolver uma visualização clara do trabalho que estão realizando e obter imediatamente o feedback detalhado do cliente. Isso ajuda as equipes a chegarem ao mercado mais rapidamente, com maior fidelidade ao que os clientes precisam dos produtos e serviços.

A descrição do Kanban foi atualizada nos últimos 3 a 5 anos. Atualmente, é denominado como um processo para gerar agilidade no gerenciamento da apresentação do produto de maneira gradual e evolutiva.

Consequentemente, o método fornece princípios e técnicas importantes que gerenciam os compromissos do Contrato de nível de serviço (SLA), levando serviços ao mercado à tempo, reduzindo assim os riscos e o possível custo de atraso. Com conceitos como Classe de Serviço, comprometimento deferido e comprometimento de duas fases, o Kanban ajuda os clientes e a equipe de produção a sincronizarem de maneira eficiente e ajuda a garantir que as itens necessários sejam feitos no tempo perfeito.

A ascensão do planejamento das etapas de trabalho (Upstream), Portfolio e Serviços Empresariais, nos anos anteriores, deu às empresas mais razões para implementar o Kanban para obter agilidade corporativa e melhorar o desempenho no mercado.


Nenhum comentário:

Postar um comentário