segunda-feira, 14 de abril de 2014

SEXTING (SEXUALIDADE NA INTERNET)

O QUE É?

Sexting é uma forma de expressar a sexualidade, na qual adolescentes e jovens usam a Internet e seus aparelhos celulares para produzir e publicar fotos sensuais de seus corpos (nus ou quase nus).
Envolve também a troca de mensagens de texto eróticas, com convites e brincadeiras sexuais entre namorados(as), pretendentes e/ou amigos(as).
Sexualidade e sexo não são a mesma coisa!
Sexo é uma das expressões da sexualidade já amadurecida, que envolve a escolha de um(a) parceiro(a) e que pode acontecer a partir do desenvolvimento para um corpo adulto, quando já conquistada certa segurança emocional.

Já a sexualidade está presente em todos os momentos do nosso desenvolvimento, mas com características diferentes em cada etapa da vida. A sexualidade na criança, por exemplo, é muito diferente da sexualidade no adulto.
É interessante conversar com uma pessoa adulta em quem você confia e se sinta bem para tirar dúvidas sobre sua sexualidade. Talvez alguns adultos não se sintam à vontade em falar sobre esse assunto, mas é necessário mostrar a eles o quanto essa ajuda pode ser importante para que você se sinta mais seguro(a), confiante e possa se desenvolver com responsabilidade.

NO AMBIENTE VIRTUAL...

Em muitos casos, a descoberta da sexualidade na adolescência conta com a ajuda de amigos nas redes sociais (como por exemplo Orkut, Facebook e Twitter), de respostas obtidas nos buscadores (como o Google por exemplo) e de conversas íntimas feitas com conhecidos virtuais.
Isso pode ser interessante, desde que haja sempre orientação e diálogo com pais, professores e/ou adultos de confiança, pois isso permite uma descoberta responsável e segura. As informações que buscamos na Internet não substituem os conhecimentos positivos que um diálogo com um adulto pode trazer. E lembre-se: nem todos são amigos na rede!

A sensação de estar anônimo através da tecnologia (Internet, celular, etc) pode fazer com que as pessoas tenham menos vergonha em falar algumas coisas ou em se mostrar um pouco mais. Mas nem sempre quem está do outro lado da tela é quem pensamos ser... Por isso, é importante ter muito cuidado ao postar algo na rede.Você colocaria fotos íntimas no mural da escola ou sairia distribuindo essas fotos por um shopping center? E por que então fazer isso na Internet, espaço que também é público? O que publicamos na Internet pode circular muito além do que imaginamos num piscar de olhos!
Ainda que fotos, vídeos e textos mais íntimos sejam enviados apenas para pessoas próximas, você deve pensar direito antes de mostrar a alguém coisas que você não gostaria que todos pudessem ver. Alguém pode guardar isso e usar para te prejudicar. Pense bem antes de gravar! Pense bem antes de publicar!

Você convidaria um estranho para entrar em sua casa? E por que então usar a webcam com pessoas que você não conhece? Mesmo com pessoas conhecidas, é interessante ter cuidado com o que vai mostrar, pois as imagens podem ser gravadas e usadas de forma mal intencionada, hoje, amanhã e daqui há muitos anos também.

O QUE FAZER EM SITUAÇÕES DE RISCO?

Se você ou algum conhecido publicou alguma foto íntima e se arrependeu, busque ajuda de um adulto de confiança o quanto antes para poder se proteger. Se alguém publicou fotos suas sem sua autorização ou se você foi forçado(a) a fazer algo que não queria, mais importante ainda buscar ajuda. Todos podem cometer erro, mas não podemos deixar o erro se repetir ou se tornar um problema ainda maior ignorando ou não pedindo ajuda. Você tem o direito de manter sua imagem e interromper maus usos que fizerem dela.  Aqui no Helpline BR você pode conversar sobre isto com uma equipe de Psicólog@s.
Fique tranquilo que a conversa é sempre mantida em segredo para sua proteção.

Nenhum comentário:

Postar um comentário